Blog

O cabeleireiro Suemar Borba, proprietário da rede de salões Su Beauty Em 21 de janeiro de 2017 / Na mídia

Aprenda a escolher o shampoo certo para seus cabelos

O cabelo é a moldura do rosto. Quem não quer ter belas madeixas? Para isso, haja trabalho né? Curto, longo, loiro ou castanho, liso ou cacheado, cada tipo exige cuidados específicos, a começar pela escolha do shampoo. Você sabe como escolhê-los? Para ajudar na orientação, fomos perguntar aos cabeleireiros, uma das profissões mais antigas da humanidade.

 

O cabeleireiro Suemar Borba, proprietário da rede de salões Su Beauty, revela: a escolha do shampoo é uma atividade mais complexa do que parece. “Existe uma infinidade de fórmulas e nem sempre é fácil identificar aquele que mais se adequa aos fios”, diz. A má escolha acaba dando um aspecto inadequado para os cabelos, um desespero especialmente para a mulherada.

Ele comenta que muita gente dá mais valor ao condicionador do que ao shampoo, o que é um engano. “É o shampoo que limpa os fios e couro cabeludo, trazendo o aspecto de brilho e beleza”, pontua.

O primeiro passo, o cabeleireiro ensina, é fazer o diagnóstico do tipo de cabelo e do couro cabeludo para escolher o produto correto.  O próximo é aprender a procurar no rótulo os ativos ideais para cada tipo de fio.  “O cabelo oleoso precisa de um shampoo de PH alcalino, enquanto os ressecados precisam de um PH ácido”, ensina.

Outro aspecto a ser considerado na fórmula, ele explica, é o sulfato, substância responsável pela limpeza dos cabelos e presente na maioria das fórmulas. Apesar de seu poder de limpeza ser alto, ele também provoca o ressecamento dos fios, fazendo com que os cabelos fiquem ásperos. Suemar dá a dica: “Quando o sulfato não está adequadamente balanceado na fórmula, ele tende a espumar muito”.

Uma alternativa, ele indica, são os shampoos naturais. Em Goiás, a Piatan Natural inovou em sua formulação: eliminou o sulfato da composição, trazendo  em seu lugar elementos naturais, como um tensoativo derivado do açúcar do óleo de coco, que promove uma limpeza suave sem retirar as proteínas e vitaminas que dão brilho e maciez aos cabelos.

Outra matéria-prima inovadora da fórmula é a saponina de quinoa, um componente obtido da quinoa, grão originário da região andina e que faz parte da alimentação daqueles povos e hoje também de brasileiros. A química responsável da marca, Ízis Ogeda, explica que essa é outra substância natural que também promove uma limpeza mais delicada dos fios dos cabelos.

Ízis orienta que é importante observar nos rótulos se o shampoo possui sal, que pode influenciar na desidratação dos fios. “Outra dica é procurar por rótulos sem parabenos, um conservante que vem sendo excluído dos rótulos internacionais diante de estudos que apontam que a substância é cancerígena”, diz. Ela também não recomenda o silicone, outro componente comum nas fórmulas. “Ele não traz nenhum benefício para o cabelo, apenas uma sensação de maciez que é transitória, como se fosse uma maquiagem”, diz..

Na tarefa de cuidar dos cabelos, Suemar finaliza com um lembrete: os cuidados não terminam com a aquisição. “Shampoo é igual a remédio. Não adianta ser tudo de bom se não for usado corretamente”, conclui

Sobre a Piatan Natural

Criada com o propósito de proporcionar qualidade de vida e valorizar a beleza verdadeira das pessoas, a Piatan Natural tem em seu catálogo 53 produtos, entre cuidados com a pele, barba e cabelos, perfumes, colônias e difusores para ambientes, todos produzidos com ingredientes verdadeiramente naturais, como manteigas, óleos e extratos vegetais. Os cosméticos da Piatan não contêm substâncias químicas prejudiciais à saúde, como silicone, parabenos, sulfatos, parafina e derivados de petróleo, além de jamais serem testados em animais.

Facebook Comments

Compartilhe: